O planejamento visa o longo prazo

O planejamento orquestra o repertório de comunicação interna cujos elementos mais comuns são a alta liderança, as lideranças diretas, as campanhas, os periódicos de mão única (newsletters, murais, comunicados, revistas, rádios e televisão) e os canais colaborativos (intrantet, blogs, redes sociais internas e aplicativos de mensagem como o WhatsApp).

Estas ferramentas precisam estar mapeadas no plano de comunicação anual e, consequentemente, devem dialogar com o propósito do departamento de Comunicação Interna e com os objetivos da empresa em geral.

PROPÓSITO DE COMUNICAÇÃO, O ALICERCE PARA O TRABALHO DE CI

Campanhas são ritos, são linhas que separam passado e futuro

A rapidez com que as informações circulam nas caixas de e-mail e nas telas dos aplicativos, transformaram definitivamente o modo de utilização das campanhas para o público corporativo.

Os clientes da Invitro vêm utilizando campanhas para estabelecer ritos de passagem capazes de traçar linhas entre o “antes” e o “depois”. Esta abordagem fica clara em situações de mudança de comportamento, em campanhas de segurança, em mudanças de cultura, na implantação do novo modelo de avaliação e mesmo na adoção de medidas decorrentes da pesquisa de clima.

QUANTO MAIOR O INVESTIMENTO, MAIOR O CRITÉRIO DE UTILIZAÇÃO

Conteúdos precisam resignificar o trabalho, dia após dia

Revistas, newsletters, blogs, jornais davam conta de consolidar a visão oficial dos temas que circulavam nos corredores e do chão de fábrica. Mas os tempos mudaram.

CANAIS DE NOTÍCIAS (DISSEMINAÇÃO) – APLICATIVOS, NEWSLETTERS, MESSAGING, MURAIS

A Comunicação Interna que convive com Facebook, Whatsapp, Skype, Webex, ou Yammer precisa de rapidez para atualização dos temas corporativos.

Apps de comunicação interna estão disputando seu lugar ao sol enquanto a intranet se transforma em provedor de serviços. E a Invitro já consolidou metodologias para criar, gerir e conciliar os veículos tradicionais com a nova realidade virtual corporativa. Entre em contato para conhecer os cases.

CANAIS DE CONTEXTO – NARRATIVA CORPORATIVA

VLOGS, RÁDIOS, REVISTAS IMPRESSAS E PARA TABLETS

Por sua abrangência e versatilidade de consumo, estes veículos de cultura permitem que se construa uma narrativa corporativa ao longo do tempo, e se possa consolidar uma dada percepção sobre o jeito de ser da empresa e de seus integrantes.

FACE A FACE – O LÍDER RESPONDE POR 60% DO CONTEÚDO

Pesquisas realizadas pela Invitro ao longo dos últimos 10 anos indicam que, na média histórica, mais de 60% da informação em que o colaborador confia e a que utiliza para influenciar seu próprio comportamento é aquela proveniente do seu líder direto.

Treinamentos, veículos periódicos ou tool-kits são ferramentas que a Invitro utiliza para conduzir o líder no desdobramento da narrativa corporativa.

A NARRATIVA CORPORATIVA É CONSTRUÍDA A TODO MOMENTO

Games e Analytics de Comunicação interna – mensuração, informação e engajamento

Os jogos on-line ou games em aplicativos ampliam o aprendizado e as reflexões acerca do comportamento organizacional. Os games corporativos são aliados da Comunicação Interna por ultrapassarem os limites de engajamento dos veículos tradicionais de comunicação.

A interação por meio dos games reitera os valores quando transforma conteúdo em entretenimento. E produz inteligência de gestão: a Invitro sintetiza os analytics dos games de Comunicação Interna para ampliar o poder de decisão do setor.

O PROTAGONISMO É A MELHOR FORMA DE APRENDIZADO